Política de Internacionalização da Fiocruz

Pretendemos ampliar a inserção internacional da Fiocruz na educação, na ciência, na tecnologia e na produção de conhecimento de fronteira, através da criação de ambientes integradores inclusivos de trabalho em rede capazes de atrair estudantes e pesquisadores para estudo com visão multidisciplinar de grandes temas globais e que reforcem o papel da Fiocruz como instituição articuladora da cooperação norte-sul e sul-sul em educação, ciência e tecnologia para a saúde. De acordo com pesquisa realizada pela C A P E S e m 2 0 1 7 (http://www.capes.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/8621-internacionalizacao-do-ensino-superior-precisa-avancar-sugere-estudo-da-capes), da qual a Fiocruz foi uma das instituições analisadas, a internacionalização é um processo necessário ao compartilhamento do conhecimento e pode ser entendida como um movimento amplo e dinâmico envolvendo ensino, pesquisa e prestação de serviços para a sociedade. 

Conheça a Política de Internacionalização da Fiocruz.